O Festival

Back2Black Festival é hoje um dos principais eventos culturais brasileiros e sem dúvida o de maior relevância para a disseminação da cultura negra no Brasil.

Não se pode contestar a forte matriz africana da cultura brasileira. A influência negra esteve e está presente em quase todas as manifestações culturais e sociais de nosso país desde a sua formação. Aliás, não só no Brasil, mas em praticamente todos os cantos do planeta. Basta reconhecermos e interpretarmos os ritmos, os sabores, as cores, os sons e a moda do mundo contemporâneo.

No entanto, é notório também que, nas últimas décadas, esse aspecto de nossa cultura vinha sendo amplamente negligenciado. Mas como ignorar a importância de um continente que é o verdadeiro berço da humanidade? Foi ao perceber essa flagrante distorção que concebemos o festival Back2Black, para refazer essas pontes frágeis e devolver a África ao Brasil e ao mundo

A cada ano reunimos pensadores e líderes de todas as nacionalidades para debater questões de relevância internacional, e promovemos espetáculos de música, dança e artes visuais ligados ao mundo negro. Por meio de encontros entre artistas de diferentes países, buscamos incentivar o intercâmbio entre as culturas e celebrar a vida e a liberdade, a verdadeira união dos povos.

Ao longo das cinco edições anteriores e da edição especial em Londres, juntamos músicos e criadores africanos e afro-descendentes nos mesmos palcos, em projetos que se vêem desdobrando noutros, muito para além das luzes da ribalta.

Pretendemos levar à Cidade das Artes esse espírito de encontro: mostrar a música e o pensamento contemporâneos da África, e dos territórios nos quais a cultura africana se mantém viva e ativa.

Nada melhor do que na sexta edição do Back2Black celebrar os 450 anos da cidade e promover a interação musical entre África e Brasil. Os palcos foram nomeados RIO e CIDADE e os shows programados homenageiam os compositores e as periferias cariocas, tudo com muito ineditismo, descontração e alegria bem ao jeito carioca de ser.